Um ídolo pelo tempo e pelo futebol: Fábio é 634 vezes Cruzeiro

Todo grande time começa por um grande goleiro. Quem nunca escutou essa frase? Pois é, neste caso, Cruzeiro e Fábio se encaixam perfeitamente na frase. Titular do Cruzeiro há 10 anos, o arqueiro entrou para a história do Cruzeiro como o jogador que mais vestiu o manto azul, com 634 aparições. São 353 vitárias, 123 empates e 158 derrotas com a camisa do Cruzeiro. Curiosamente, o recorde foi batido no jogo contra o Vasco da Gama – ex-clube do goleiro – em São Januário (Vasco 1 x 3 Cruzeiro).

Dono de números expressivos, Fábio é o jogador que mais atuou por temporada desde o seu retorno ao clube, em 2005. Dos 689 jogos disputados pelo Cruzeiro, participou de 633, tendo uma participação de mais de 91% nos jogos. Atual bicampeão brasileiro com o Cruzeiro, o goleiro e capitão celeste coleciona diversos títulos com o Cruzeiro. Além das duas ultimas taças do Brasileirão levantadas por Fábio, o jogador já conquistou uma Copa do Brasil (2000), cinco Campeonatos Regionais (2006, 2008, 2009, 2011, 2014) e um Torneio Verão (2009).

O mais novo recordista de jogos pelo Cruzeiro também coleciona números bem interessantes nos clássicos, sendo o Atlético-MG a equipe que ele mais enfrentou (47 vezes) e que mais venceu (21 vezes). Outros dados vasco-cruzeiro-fabio-2015interessantes são que Fábio é o goleiro que mais vezes foi vazado por Rogério Ceni (6 vezes), é o maior vencedor do Troféu Telê Santana, com 14 premiações, e também o goleiro chegou a sofrer sete gols em duas partidas (com um intervalo de quatro dias) contra o Paysandu, sendo cinco dos sete gols de Rafael Moura.

Contudo, o nosso capitão vem nos provando a cada dia porque o chamamos e o temos como ídolo. Espero muito poder contar com um Fábio dedicado e focado no Cruzeiro por muito tempo, afinal, todo grande time começa por um grande goleiro e nós já temos um excelente goleiro há uma década.

Parabéns Fábio, O Melhor Goleiro do Brasil!

Por: Paulo Pianetti