Alguém precisa cobrar o Mano!

Desde a saída de Alexandre Mattos, em 2014, sofremos com a omissão por parte dos nossos dirigentes. De lá pra cá, já tivemos algumas reformulações da gerência do nosso principal produto. Não houve sequer um profissional que tenha passado pelos cargos executivos do futebol sem que tenha sido ao menos questionado pela torcida e imprensa.

Continue Reading →

Pobre Cruzeiro

Começamos o ano de 2017 com uma perspectiva bem diferente das últimas temporadas. Tínhamos uma forte base montada no decorrer de 2016, e conseguimos buscar boas peças no mercado durante a janela de transferências do final do ano. Todos esses fatores propiciaram bastante otimismo ao torcedor Cruzeirense. A temporada começou a todo vapor, com goleadas

Continue Reading →