Semana de acertos na Toca

Salve nação estrelada! Semana de treinos na Toca e de expectativa da torcida sobre a postura que será adotada pelos atletas diante do São Paulo na partida de domingo no Mineirão. Com a volta de alguns atletas a torcida deve se animar após o banho de água fria, literalmente , no empate diante do Vitória- BA no Barradão. 

Se tempo para descanso e treinos era o que Adílson Batista e os atletas tanto esperavam, enfim começarão a ter. Jogo só no fim de semana, assim o técnico terá como treinar a equipe nos novos esquemas que tem esboçado nas últimas partidas, o 3-5-2 e o 4-3-3. Além de acertar o posicionamento nesses esquemas, alguns jogadores tiveram descanso merecido. Marquinhos Paraná estava em queda livre de rendimento, e nas últimas partidas não conseguiu fazer a diferença a nosso favor anulando os adversários como de costume. Tomara que esses quase 15 dias que ficará sem atuar possam ajuda-lo a voltar 100% fisicamente.

O Kléber ainda é dúvida, mas merece esse descanso, aliás não é bem um descanso, ele segue fazendo tratamento da contusão na região pubiana que o tirou das últimas partidas. Se voltar será um reforço importante. Outro atleta que segue no estaleiro é Wellington Paulista, mas este parece ter mais chances de ser liberado até domingo. Gostaria muito de vê-lo em uma boa seqüência de jogos, para avaliar se realmente poderá fazer a diferença a nosso favor já que teremos partidas dificílimas contra equipes do G-4.

Um fato curioso e prejudicial à equipe celeste tem sido a falta de um armador no banco de reservas. É notório que o Gilberto “prega” no segundo tempo das partidas, e o rendimento do meio de campo vai por água abaixo. O Bernardo parece estar com problemas particulares e recebeu o apoio do treinador de voltar a ser relacionado somente quando estiver focado 100% no futebol, tomara que seja logo pois está perdendo grande oportunidade de mostrar seu valor, vez que Dudu serve à seleção sub- 17 e o recém contratado Leandro Lima ainda apura a parte física porque que vem do fim de uma temporada na Europa.

Guerrón é a grande incógnita desse elenco. Quando entra sempre dá mais velocidade ao ataque, mas seu físico ainda não é dos melhores, assim tem alternado altos e baixos nas partidas, mas a qualidade do passe do equatoriano é impressionante. Supera em muito os concorrentes Thiago Ribeiro e Soares. Quando estiver 100% acredito que seja natural a conquista da vaga de titular no ataque, aliás não está precisando fazer muita força para ser titular nesse ataque, infelizmente.

A zaga de domingo será mudada, Thiago Heleno foi mais uma vez expulso e Leonardo Silva recebeu o terceiro amarelo e cumpre a automática. Isso demonstra desequilíbrio na equipe, já que a zaga está sempre matando as jogadas em lances de cartão, assim o entrosamento é quase zero, e depois das falhas coletivas começam as falhas individuais por insegurança ou excesso dela. Depois da surpresa positiva de Leonardo Silva que quando chegou no início da temporada pra mim era um Zé ninguém, não ouso tecer comentários pessimistas acerca dos novos atletas da zaga, Caçapa e Luizão, só desejo sorte e peço seriedade a ambos.

A volta de Fábio é o maior reforço, já que em muitas rodadas nos livrou de vexames, goleadas, inclusive em casa. Esse sempre assume sua responsabilidade mesmo tendo que provar todos os dias para muitos corneteiros (Alô Leandro Heidfeld! Orkut: Fábio o pega nada) que é um goleiro de confiança. Eu confio muito no Fábio, falta só um título de expressão para se consagrar, aliás muitos torcedores relacionam a não conquista de títulos importantes à titularidade do nosso goleiro que já dura muitos anos. Discordo disso.

Que as coisas se encaixem e que os jogadores estejam focados em uma grande vitória e uma subida sem freadas na tabela!

Abraço a todos!
Até mais!