“Se eu ficar…”

Salve, guerreiros!

Quase fim de temporada restando ainda quatro jogos por disputar em dois mil e dezesseis e o Cruzeiro praticamente garantido na Série A do ano que vem (que frase triste de escrever), e o assunto do dia é a discussão sobre alguns atletas em fim de contrato.

Nossa dupla de zaga que tem atuado, Léo e Bruno Rodrigo, é um exemplo dessa situação. Ambos os zagueiros, terão seu contrato findado em dezembro. Há rumores que o zagueiro Léo está muito próximo de ter seu vínculo renovado. Já Bruno Rodrigo, que tem sido muito contestado pela torcida por inúmeras falhas esse ano, fez juras de amor ao Cruzeiro, mas ainda não se ouve falar nada sobre uma possível extensão de contrato.

O lateral Lucas, é outro que a China Azul quer ver pelas costas, também encerra seu empréstimo no fim de ano e não deve permanecer. O próprio treinador admitiu essa semana que as laterais do Cruzeiro foram um problema durante a temporada. Do Bryan, se esperava demais após um ótimo campeonato mineiro pelo América, o lateral esquerdo foi uma grande decepção, mas, deve-se avaliá-lo um pouco mais, porque o time não ajudou.

Mayke deve renovar, pois será bem difícil ser negociado vindo de contusão. A praxe de fazer exames médicos antes de assinatura de contrato não deve permitir sua negociação. Uma pena ele ter tido alguns problemas de lesão, poderia ter ajudado bem durante esse ano tão penoso.

Já o volante Denilson, espero que o Cruzeiro faça o favor de devolvê-lo imediatamente. Em minha opinião, a marcação com o “olho” diante do Grêmio no Mineirão (Toca III), o torna o maior responsável por nossa trágica eliminação. Eu já teria rescindido seu contrato.

A única exceção no tema será o atacante Willian, apesar de seu contrato se encerrar apenas no fim de dois mil e dezessete, acho pertinente falar sobre ele. A torcida, não o quer nem pintado de ouro, apesar de ele ser boa praça, não arrumar confusão, tem a confiança do Mano, a China Azul vai ter que se acostumar em vê-lo ainda mais um ano.

A vantagem é saber que Mano Menezes finalmente iniciará um projeto diante da Raposa (Sai pra lá, chineses). Pode ser algo que tenha faltado ao Cruzeiro no biênio quinze/dezesseis. Mano deve saber bem as carências do elenco e as contratações para o ano devem sem pontuais. Ao menos, é o que espera a torcida celeste. O “Se eu ficar…” é referência a um best seller que se tornou filme, a pergunta é: se esses jogadores ficarem? Guerreiro dos Gramados. Nossa torcida, nossa força!

Por: Álvaro Jr