Revelando as contas: Agora é vencer tudo

Salve nação celeste! Depois do empate contra o Vitória os 76 pontos não são mais atingíveis pelo Cruzeiro. Embora o Cruzeiro possa atingir 77 pontos se vencer todas as partidas, 76 é inviável matematicamente, pois é impossível perder só 1 ponto em uma partida. Ou perde-se 2 com o empate, ou 3 com a derrota.

Ciente desses números, a coluna não irá mais traçar objetivos para as sequências de jogos. Se quiser pensar em título ou até em Libertadores o Cruzeiro não pode mais se dar ao luxo de escolher para quem perder pontos. Cada jogo é uma nova obrigação de vitória, independente do resultado. Jogo a jogo, o Cruzeiro deve buscar vencer a qualquer custo e, principalmente, evitar perder pontos como aconteceu nas duas partidas desta semana.

A próxima missão é o São Paulo no Mineirão. Vencer significará recuperar terreno na briga pela Libertadores. A sorte celeste é que os resultados dos adversários nos tem permitido manter o sonho, mas se o time não fizer sua parte, fica difícil.

Distância para o líder: Antes da rodada: 12 pontos.

                                     Depois da rodada: 12 pontos.

Distância para o G-4: Antes da rodada: 6 pontos (O Internacional, 4º colocado, tinha uma partida a menos que o Cruzeiro).                                  

                                   Depois da rodada: 8 pontos (O Internacional, 4º colocado, tem uma partida a menos que o Cruzeiro).

Estatísticas segundo o site chance de gol:

Chances de título: 0,1% (rodada anterior). 0,08% (atual). O time com mais chances é o Internacional com 48,4%.

Classificação para a Libertadores: 4,2% (rodada anterior). 4,8% (atual). O time com mais chances é o Internacional com 94,2%.

Classificação para a Sul-Americana: 77,6% (rodada anterior). 77,9% (atual). O time com mais chances é o Santos com 82,8%.

Rebaixamento para a Série B: 3,1% (rodada anterior). 2,9% (atual). O time com mais chances é o Fluminense com 91,4%.