Pré-jogo: Sport X Cruzeiro (Vale a salvação)

O Cruzeiro: está a uma distância confortável do Z-4, mas ainda não garantiu matematicamente sua permanência na Série A.

Em função disso, e para evitar novos sustos, a Raposa entra em campo em Recife contra o Sport visando afastar definitivamente esta ameaça. Especialmente pelos pernambucanos serem um dos principais concorrentes do time celeste na classificação.

Com algumas dúvidas na escalação, Mano Menezes pode dar uma chance ao garoto Alex ou retornar com um lateral-direito de ofício devolvendo Lucas Romero ao meio-campo. Na zaga, Bruno Rodrigo será desfalque, com Manoel retornando ao time.

O Sport: quer também afastar de vez a ameaça de rebaixamento. E para isso vencer os confrontos em casa pode ser fundamental para o Leão.

Também em uma situação relativamente tranquila, os pernambucanos não devem se furtar de, com o apoio da torcida, partir para cima e tentar fazer o resultado desde o apito inicial, abrindo espaço para o contra-ataque celeste.

Com Daniel Paulista fazendo um bom trabalho no comando técnico e Diego Souza como artilheiro do campeonato, motivação não faltará para o Sport.

Sport: Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Renê; Rithely, Neto Moura, Everton Felipe, Diego Souza e Rogério; Ruiz. Téc: Daniel Paulista.

Cruzeiro: Rafael; Lucas Romero (Ezequiel ou Lucas), Léo, Manoel e Bryan; Henrique, Ariel Cabral, Alex (Lucas Romero) e Arrascaeta; Rafael Sobis e Willian. Téc: Mano Menezes.

Horário e Local: Ilha do Retiro, Recife (PE). Quarta-feira, 16 de Novembro de 2016 às 21:45.

Motivo: 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Arbitragem: Thiago Duarte Peixoto (SP), auxiliado por Rodrigo F. Henrique Correa (RJ) e Bruno Raphael Pires (GO)

Transmissão: TV Globo, para Minas Gerais (com exceção de Juiz de Fora, Divinópolis, Araxá, Uberlândia, Ituiutaba e Uberaba) e PFC. O Guerreiro dos Gramados acompanha a partida em tempo real em seu canal oficial no Facebook, além do twitter @GdosGramados.

Retrospecto: Cruzeiro e Sport se enfrentaram 19 vezes em partidas com mando de campo pernambucano pelo Brasileirão e a vantagem é do Leão.

Foram 5 vitórias da Raposa, 7 empates e 7 derrotas. O time cinco estrelas marcou 15 gols e sofreu 17.

Por: João Henrique Castro