Pré-jogo: Grêmio X Cruzeiro (Afirmação no Sul) | Cruzeiro Esporte Clube

Pré-jogo: Grêmio X Cruzeiro (Enfim o mesmo time, mas duelo complicado no Sul do país)

O Cruzeiro: irá pela primeira vez neste Brasileirão repetir a escalação do time titular utilizada na rodada anterior neste sábado diante do Grêmio, mas apesar da boa notícia, a Raposa não deve esperar facilidades contra o time tricolor no Estádio Olímpico.

A manutenção da dupla de ataque formada por Borges e Anselmo Ramon não agrada boa parte da torcida, assim como a permanência de Marcelo Oliveira, porém com uma semana de treinamento, a confiança aumenta sobre a possibilidade desta formação funcionar melhor do que contra o Internacional.

A esperança recai especialmente sobre Montillo, mas é bom lembrar que o meio-campista serviu a seleção argentina durante a semana e não participou da maior parte dos treinamentos. Pelos momentos de ambos os times, não cabe ao Cruzeiro enfrentar os gaúchos de peito aberto, mas com uma dupla de pouca mobilidade no ataque, o argentino será peça fundamental para a conquista de um bom resultado.

O Grêmio: já não vence no campeonato há três rodadas (três empates) e já viveu momentos de mais estabilidade na competição, mas em seus domínios tem uma campanha invejável e é sempre perigoso.

Em 13 jogos no estádio Olímpico, o tricolor venceu 10, empatou 1 e perdeu apenas 2, mostrando força atuando em casa e, principalmente, uma equipe que sabe aproveitar o fator torcida para derrotar os seus adversários.

Sem Gilberto Silva, lesionado, a equipe gaúcha perde força defensiva e se torna mais vulnerável, porém é bom lembrar que a força ofensiva gremista estará intacta com a presença de Zé Roberto, Elano, Marcelo Moreno e Kléber.

Ainda sonhando com o título, o Grêmio entrará em campo pressionado, o que pode ajudar o Cruzeiro. Segurar a pressão do Olímpico e contratar com velocidade devem ser a chave da Raposa para conseguir ameaçar este perigoso adversário.

Grêmio: Marcelo Grohe; Pará, Werley, Naldo e Anderson Pico; Souza, Marco Antônio, Elano e Zé Roberto; Kléber e Marcelo Moreno. Téc: Vanderlei Luxemburgo.

Cruzeiro: Fábio; Ceará, Thiago Carvalho, Leo e Everton; Leandro Guerreiro, Arias, Marcelo Oliveira e Montillo; Anselmo Ramon e Borges. Téc: Celso Roth.

Arbitragem: Jaílson Macedo Freitas, auxiliado por Alessandro Rocha de Matos e Rogério Pablos Zanardo.

Horário e local: Estádio Olímpico, Porto Alegre (RS). Sábado, 06 de outubro de 2012 às 18:30.

Competição: Campeonato Brasileiro, 28ª rodada.

Retrospecto: O Grêmio é conhecido por ser um freguês histórico do Cruzeiro, mas a situação muda um pouco de figura quando é analisado o histórico entre os clubes em duelos com mando de campo tricolor pelo Campeonato Brasileiro.

Em 19 jogos, a equipe gaúcha venceu 8, empatou 7 e perdeu 4. A vantagem gremista neste cenário segue no número de gols marcados: 23 contra 14.