Pré-jogo: Cruzeiro x Palmeiras (Mirando a semifinal)

O Cruzeiro: recebe o Palmeiras no Mineirão nesta quarta-feira e o objetivo é selar a classificação para a semifinal da Copa do Brasil e manter viva a chama por um título na temporada 2017.

O empate em 3×3 fora de casa até dá a Raposa uma vantagem no confronto, mas o fato de ter estado com um 3×0 a favor no placar ainda dá voltas na cabeça do torcedor que, por sua vez, espera que os atletas já tenham digerido este cenário e desde o apito inicial estejam plenamente concentrados na decisão.

Na escalação, a principal novidade de Mano Menezes deve ser o retorno de Alisson ao time herdando a vaga de Sassá que já disputou a competição pelo Botafogo. No meio-campo, Ariel Cabral deve retomar a posição de Lucas Silva.

O Palmeiras: vive uma nova crescente na temporada e vem de vitória sobre o Sport na Ilha do Retiro, mesmo atuando com um time alternativo.

O fato de brigar em três frentes, com Libertadores e Brasileirão ainda no raio de ação, tem desgastado o elenco, mas Cuca pode aproveitar a última rodada para dar um refresco aos titulares e priorizar a decisão desta quarta no Mineirão.

Sem Willian, lesionado, o alviverde mantém a qualidade do ataque e a esperança de gols no quarteto Guerra, Róger Guedes, Dudu e Borja.

Cruzeiro: Fábio; Lucas Romero, Leo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Ariel Cabral, Elber e Thiago Neves; Alisson e Rafael Sobis. Téc: Mano Menezes.

Palmeiras: Jailson; Jean, Mina, Edu Dracena e Egídio; Thiago Santos (Felipe Melo), Tchê Tchê e Guerra; Róger Guedes, Dudu e Borja. Téc: Cuca.

Horário e Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG). Quarta-feira, 26 de Julho de 2017 às 21:45.

Motivo: Jogo de volta das quartas-de-final da Copa do Brasil.

Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio (GO), auxiliado por Bruno Raphael Pires (GO) e Cristhian Passos Sorence (GO).

Transmissão: Sportv e Globo MG, exceto Juiz de Fora. O Guerreiro dos Gramados acompanha a partida em tempo real em seu canal oficial no Facebook e, principalmente, no twitter @GdosGramados.

Retrospecto: Cruzeiro e Palmeiras se enfrentaram 3 vezes no Mineirão pela Copa do Brasil e o resultado de duas ocasiões seria suficiente para a Raposa avançar nesta quarta-feira.

O empate em 1×1 na final de 1996, vencida pelo Cruzeiro, e a vitória por 1×0 na final de 1998, que terminou com título palmeirense, garantiriam o time celeste na próxima fase. Já a derrota por 3×2 das oitavas-de-final de 2015, com o Palmeiras avançando para as quartas, classificaria o time alviverde.

Por: João Henrique Castro