09 fev Pré-jogo: Cruzeiro x Democrata-GV (Seguir avançando)


O Cruzeiro: recebe o Democrata de Governador Valadares no Mineirão nesta quarta-feira e pode afirmar a sua posição no G-4 do estadual com mais uma vitória.

Garantir a classificação com antecedência, de preferência na melhor posição possível, pode ser o caminho para uma temporada mais estável que os dois últimos anos além de legitimar os testes de Paulo Pezzolano que segue alternando as opções para formar o time titular.

Contra a Pantera, aliás, o próprio treinador será uma mudança já que atualmente cumpre protocolo de isolamento após testar positivo para COVID-19. O auxiliar Martin Varini assume a equipe e contará com os retornos de Rômulo e Waguininho para ampliar o seu leque de opções. Gabriel Dias, Mateus Silva, Sidnei, Giovanni e Vitor Leque, por sua vez, são ausências para o duelo.

O Democrata-GV: volta ao Módulo I depois de três anos de ausência e a meta é tentar afastar o tradicional sobe e desce que marca a história do clube ao longo deste milênio.

Com uma única derrota até aqui, para o América na segunda rodada, a Pantera tem uma posição de meio de tabela e espera surpreender o Cruzeiro para aproximar-se de uma pontuação segura para afastar as chances de rebaixamento e projetar voos maiores na competição.

Comandada por Paulo César Schardong, a equipe alvinegra tem como arma principal o meia Marcelinho, um dos artilheiros do campeonato com três gols.

Cruzeiro: Rafael Cabral; Geovane (Rômulo), Maicon, Eduardo Brock (Oliveira) e Rafael Santos; Adriano (Felipe Machado), Pedro Castro e João Paulo; Bruno José, Waguininho e Edu. Téc: Martin Varini.

Democrata-GV: Lucão; Weslley, Matheus Carioca, Rafael Caldeira e Gabriel Marques;  Galhardo, Matheuzinho, Marcelinho e Chico; Pedrinho e Bidick. Téc: Paulo César Shardong

Horário e Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG). Quarta-Feira, 09 de Fevereiro de 2022 às 19:30.

Motivo: 5ª rodada do Campeonato Mineiro.

Arbitragem: Wanderson Alves de Souza, auxiliado por Guilherme Dias Camilo e Samuel Henrique Soares Silva.

Transmissão: O Tempo Sports.

Retrospecto: Cruzeiro e Democrata se enfrentaram 58 vezes pelo Campeonato Mineiro e a vantagem é azul.

A Raposa venceu em 38 ocasiões, empatou outras 14 e sofreu apenas 6 derrotas. Foram 121 gols do time celeste e 37 da Pantera.

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro


Deixe seu comentário, curta e compartilhe