13 fev Pré-jogo: Caldense X Cruzeiro (Em meio as disputas do tribunal, hora de jogar bola)


Salve nação celeste! Depois da derrota para o Vélez e uma tumultuada semana nos bastidores do TJD da Federação Mineira, o Cruzeiro volta a campo pelo Campeonato Mineiro para enfrentar a Caldense na cidade de Poços de Caldas.

Sem saber direito a sua real condição no campeonato devido a indecisão do caso Wellington Paulista, o Cruzeiro terá que entrar em campo com a faca nos dentes para chegar ao clássico, se não a frente dos galináceos, com chances de ultrapassá-los. Convenhamos, se tem alguma coisa em disputa na primeira fase deste campeonato é justamente as melhores posições e, como o Tribunal pode nos garfar três pontos, vencer os jogos até estabilizar-se na condição de líder é fundamental.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Todavia, o foco na Libertadores não deve diminuir. A escolha por um time misto é acertada, pois é inegável a qualificação do elenco celeste perante a maioria dos rivais estaduais. Para quem entrar em campo, mais uma chance de provar porque merece vestir a camisa do Cruzeiro.

Entretanto, entre os titulares que atuarão um tem muito a mostrar nesta partida. Gilberto está devendo e muito nesta temporada. Até acho que sua expulsão contra o Vélez foi exagerada, mas isso não apaga o fato de ter prejudicado muito a equipe na principal partida do ano até agora. Melhor Gilberto jogar bola, o que ele sabe fazer, pois Roger está ficando pronto e a vaga de Gilberto como titular está ficando cada vez mais ameaçada.

Do lado da Veterana, a motivação é buscar vencer o Cruzeiro para mostrar que não é um mero candidato ao rebaixamento nesta temporada. Recém-promovida do Módulo II, a Caldense ainda não venceu nese campeonato e uma derrota pode aumentar ainda mais a preocupação com o retorno ao segundo escalão estadual. Ao Cruzeiro, cabe explorar esta pressão por resultados do adversário e, em campo, mostrar seu futebol e buscar mais uma vitória.

Caldense: Leandro; Félix, Carciano, Romeu (Claudinho), Ranieri; Maxsuel, André, Luizinho e Everton Maradona; Thiago Pereira e Valderi. Téc: Alemão.

Cruzeiro: Fábio; Marcos, Thiago Heleno, Cláudio Caçapa e Diego Renan; Fabinho, Elicarlos, Bernardo e Gilberto; Wellington Paulista e Guerrón. Téc: Adílson Batista.

Curiosidade da partida: A última vez que Caldense e Cruzeiro se enfrentaram foi em 2007, pelo Campeonato Mineiro. Em partida válida pela última rodada da primeira fase, o Cruzeiro ganhou por 3 a 0 no Mineirão. O resultado rebaixou a Caldense para o Módulo II, competição da qual foi vice-campeã no ano passado.

João Henrique Castro (@jhfcastro), tem 23 anos. Mineiro radicado no Rio de Janeiro,graduado em História pela Universidade Federal de Viçosa, mestrando pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e professor de História. Realiza no Guerreiro dos Gramados, o sonho de poder dividir com a China Azul os seus pensamentos sobre o nosso amado Cruzeiro Esporte Clube. Raramente perde uma partida do clube, mesmo não podendo ir freqüentemente ao estádio. Siga o GDG no twitter: @gdosgramados.

Deixe seu comentário, curta e compartilhe