18 dez Pré-jogo: Avaí x Cruzeiro (Reaquecer a chama)


O Cruzeiro: enfim ingressou na primeira metade da classificação, mas o gosto amargo do empate contra o CSA esfriou a empolgação na briga pelo acesso e a Raposa viu reduzir ainda mais sua já apertada margem de pontos a deixar pelo caminho se quiser terminar a temporada no G-4 da Série B.

Iniciando nesta sexta-feira uma jornada dupla de partidas fora de casa contra rivais diretos na disputa, o time celeste precisa bater o Avaí para segurar um concorrente direto e também para tentar reduzir à distância para o grupo dos quatro primeiros. Para isso, conta ainda que Cuiabá ou Juventude não vençam na rodada, além de secar outros adversários para seguir apostando em uma redução na pontuação necessária para chegar ao grupo dos quatro primeiros.

Com Adriano retornando de suspensão, Felipão deve voltar a escalar o trio de volantes que elegeu como ideal ao longo do trabalho. Na lateral-esquerda, no entanto, a entrada de Patrick Brey deve ser o movimento a partir da ausência de Matheus Pereira, cumprindo punição após o acúmulo de cartões amarelos.

O Avaí: tem se colocado como um dos concorrentes em ascensão na briga por uma vaga no G-4 e as duas vitórias recentes sobre Ponte Preta e Sampaio Corrêa, outros dois postulantes ao acesso, consolidam a sensação de que os catarinenses vivem um bom momento.

Embora não exista a perspectiva matemática de já adentrar no grupo dos quatro primeiros nesta rodada em função do confronto direto entre Juventude e CSA, o Avaí entende a importância do duelo para seguir sua jornada de aproximação e complicar de vez um rival como o Cruzeiro na briga. Não é de se esperar menos do que uma postura de quem encarará a partida com ritmo de decisão.

O zagueiro Alan Costa, um dos esteios defensivos da equipe, cumpre suspensão e será desfalque assim como o atacante Rômulo, em tratamento médico. O treinador Claudinei Oliveira, no entanto, tem na experiência de nomes como Edílson, Betão e Valdívia a força para liderar o time durante a partida.

Avaí: Lucas Frigeri; Edilson, Alemão, Betão e Iury; Jean Martim e Pedro Castro; Valdívia, Getúlio e Vinícius Leite; Gastón Rodriguez.  Téc: Claudinei Oliveira.

Cruzeiro: Fábio; Cáceres, Manoel, Ramon e Patrick Brey; Adriano, Jadsom Silva e Filipe Machado; Airton, Rafael Sobis e William Pottker. Téc: Felipão.

Horário e Local: Ressacada, Florianópolis (SC). Sexta-feira, 18 de Dezembro de 2020 às 20:15.

Motivo: 30ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B.

Arbitragem: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI) auxiliado por Rogério de Oliveira Braga (PI) e Márcio Iglésias Araújo Silva (PI)

Transmissão: Sportv e PFC.

Retrospecto: Cruzeiro e Avaí se enfrentaram seis vezes pelo Campeonato Brasileiro em Florianópolis e o retrospecto é equilibrado.

Cada equipe venceu em uma ocasião e a igualdade marcou o placar nos outros quatro encontros. Nos gols marcados, nova igualdade com sete tentos para cada lado.

Por: João Henrique Castro

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

 


Deixe seu comentário, curta e compartilhe