10 fev Pós-jogo: Cruzeiro 1 x 1 América-MG


Com 100% de aproveitamento nos seus três primeiros jogos, o Cruzeiro foi a campo no último domingo (09/02) para se testar diante de seu primeiro desafio da temporada: o clássico contra o América-MG. A partida, que interrompeu a sequência de vitórias do Cabuloso, foi válida pela 5ª rodada do Campeonato Mineiro, e aconteceu às 16h, no Mineirão.

Primeiro tempo

Foi a primeira vez em que o treinador da Raposa repetiu os 11 titulares. A escalação utilizada foi a mesma da virada contra o Tupynambás.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O Cruzeiro começou a partida com menos posse de bola e com certa dificuldade para entrar na defesa do América. O time celeste pecava na saída de jogo, com muitos erros de passe, enquanto o adversário adiantava a linha de marcação e tentava manter o jogo no setor de ataque. A equipe de Adilson Batista buscou alternativas para quebrar o bloqueio rival, e começou a crescer com lançamentos em profundidade e chutes de fora da área. No entanto, mesmo com mais finalizações no final da primeira etapa, o Cruzeiro não conseguiu balançar as redes e o jogo foi para o intervalo no 0 a 0.

Segundo tempo

Adilson Batista não quis esperar e promoveu uma alteração logo quando os times voltaram do vestiário: Marco Antônio, que participou da jogada do gol que deu a vitória para o Cruzeiro contra o Villa Nova, entrou no lugar de Jhonata Robert, que não conseguiu destaque na partida. Dessa maneira, o Cruzeiro ganhou força na criação e articulação de jogadas para tentar furar o bloqueio do América.

Os times se abriram mais na etapa complementar, e aos 15′ as duas equipes já haviam chegado com perigo ao gol adversário. Contudo, foi o América quem inaugurou o placar, aos 24′, quando Ademir recebeu bola rasteira na área, entre dois marcadores, e só escorou para o fundo das redes. Nesse momento, o comandante celeste queimou sua última alteração e foi para o tudo ou nada: substituiu o volante Jadsom pelo atacante Judivan.

Com o time do Cruzeiro mais exposto, o América até conseguiu chegar novamente com perigo, mas não aproveitou a oportunidade. Aos 32′, Maurício recebeu na entrada da área e mandou um balaço no ângulo superior esquerdo do gol de Airton, que ainda chegou a encostar na bola, mas não conseguiu evitar que ela entrasse. Brilhou, mais uma vez, a estrela do camisa 11 celeste, que marcou seu segundo gol na temporada.

O jogo caminhou para o final sem maiores emoções, e terminou com o empate conquistado no segundo tempo. De forma geral, o Cruzeiro, com todas as limitações que tem hoje, conseguiu fazer uma partida dentro de suas capacidades. O momento é de reconstrução e adaptação, principalmente no que diz respeito aos jovens da equipe. Percebe-se uma evolução no estilo de jogo, mas também um certo nervosismo na criação e conclusão das jogadas. Com trabalho, seriedade, e continuidade, o time tem potencial para crescer e fazer uma boa temporada para se reerguer como o gigante que é.

FICHA TÉCNICA

Cruzeiro 1 x 1 América-MG

Motivo: 5ª rodada do Campeonato Mineiro

Local: Mineirão, Belo Horizonte, MG

Data e hora:09/02/20 às 16h00

Árbitro: Wanderson Alves de Souza

Assistentes: Pablo Almeida Costa e Leonardo Henrique Pereira

Cartões amarelos: Jadsom, Machado, Adriano e Edilson (Cruzeiro); Zé Ricardo (América-MG)

Gols: Ademir (América-MG) – 24′, 2°T; Maurício (Cruzeiro) – 32′, 2°T

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Cacá, João Lucas; Jadsom (Judivan), Machado, Maurício, Everton Felipe, Jhonata Robert (Marco Antônio); Roberson (Welinton). Técnico: Adilson Batista

América-MG: Airton; Leandro Silva (Diego Ferreira), Lucas Kal, Eduardo Bauermann, Sávio; Zé Ricardo, Juninho, Alê; Felipe Augusto (Léo Passos), Ademir (Rickson), Rodolfo. Técnico: Lisca

Por: Gabriel Antônio Oliveira


Deixe seu comentário, curta e compartilhe