17 fev Mais organização e respeito ao torcedor


O clássico desse domingo já passou, mas temos que aprender com os erros cometidos para melhorar e oferecer, um serviço digno e confortável para quem vai ao estádio. Às vezes cobrar e proibir o torcedor de fazer certas coisas se torna mais fácil, do que procurar corrigir seus próprios erros que às vezes são escondidos.

Essa toda minha indignação aumentou quando cheguei ao Mineirão, nesse último domingo, e tivemos que esperar 1 hora até abrir o portão do estacionamento, e sofrer com a hipótese de se chegar uma multa em casa (policias passavam ameaçando multar), pela falta de organização dos administradores do estacionamento do Mineirão. O mesmo ocorrendo do outro lado da lagoa, quando um torcedor, teve o vidro do seu carro quebrado no mesmo estacionamento, não encontrando nenhum responsável pelo mesmo no final do jogo.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

No final da partida, torcedores do Cruzeiro, que saiam do estádio eram obrigados a passar pelo Hall principal com seus carros, atravessando para o lado da torcida do atlético mineiro, um Policial Militar me disse, “Pode ir tranqüilo que a policia esta ai”, mas seguindo apenas me deparei, do Hall principal até o Mineirinho, uma Capitã e apenas chegando ao cruzamento com o mineirinho apareceram mais policias. O que corríamos o risco de levar aquela famosa chuva de pedras, graças a Deus, nada aconteceu.

Para o jogo dessa quinta-feira, a diretoria do Cruzeiro, disponibilizou apenas 40 mil, ingressos para a China Azul, o que me preocupa. Estréia da Libertadores, a Raposa vindo de uma vitória diante o seu rival, se esperava um mínimo de 50 mil ingressos iniciais, sendo o colocado pela direção 30 mil. O que pode ocorrer, é o de sempre, milhares de torcedores voltando para casa por falta de ingresso no dia do jogo, queremos providencias. Fica a dica para China Azul, compre seu ingresso antecipado para evitar transtorno.

Espero que pelo menos os portões sejam abertos bem antes da partida e que coloquem a disposição dos torcedores mais de uma bilheteria no dia do jogo, para que não se repita os vexames de anos anteriores, e culpem a torcida por desordem e baderna, do lado de fora do estádio, por falta de ingresso.

Para questão dos ônibus quebrados, sugiro a PM, que coloque dois policias em todos os ônibus rumo ao Mineirão. Dessa forma coibira os bardeneiros, dispostos a aprontar no dia do jogo, mas que seja mantido o respeito e o direito do cidadão.

Fica ai meu puxão de orelha a direção Azul e Branca e aos organizadores dos jogos. 

Vamos Cruzeiro querido de tradição, Libertadores ser campeão!!!

Vamos Vamos Cruzeiro… PAZ NOS ESTÁDIOS!!!!


Deixe seu comentário, curta e compartilhe