Lá vem o Zeirão, subindo a ladeira (Atlético GO 1 x 2 Cruzeiro – Campeonato Brasileiro 25ª rodada)

Salve, guerreiros!

Alternativo eficiente! Diante de tantas mudanças, era difícil cobrar da Raposa que foi a campo neste domingo um futebol de encher os olhos. Pensando bem, o time de Mano nunca apresenta tal futebol, mas, é eficiente. Alcançou a quinta posição na tabela de classificação com a vitória deste fim de semana. Mesmo que o inesperado aconteça na quarta pela Copa do Brasil diante do Flamengo, as chances de vaga na Libertadores pelo Brasileirão parecem bem promissoras, mas não vamos pensar nisso agora.

O jogo

Dois tempos distintos da Raposa. Um primeiro tempo quase irrepreensível, e uma segunda etapa em que foi completamente dominado em função do já desespero do Atlético GO na luta contra o rebaixamento.

Primeiro tempo

O Cruzeiro começou elétrico abrindo o placar logo aos 3′ após bela trama do ataque. Um bate rebate na defesa do Dragão e De Arrascaeta chuta colocado da entrada da área para marcar. Rafinha e De Arrascaeta seguem dando o tom na frente, se movimentando, ambos vão confundindo a defesa do Atlético, mas, é Nonoca quem risca belo passe que encontra Rafael Sobis que marca após quase cem dias. O tradicional gesto de “sai zica” e talvez o atacante roqueiro seja peça útil na sequência do certame.

Segundo tempo

Sem alternativas, o Dragão se lança todo ao ataque e vai pressionando a Raposa em seu campo. Acuada e sob forte pressão, o Cruzeiro começa a ver tudo derrocar. Erros bobos de passe e desentrosamento dão a tônica no jogo celeste. Mano tenta corrigir com as substituições. Entram Raniel, Hudson e Ezequiel na tentativa de equilibrar as ações. A Raposa segue perdendo sucessivos contra-ataques e com eles a chance de ampliar o marcador e frustrar em definitivo o ímpeto do Dragão.

O time alternativo de Mano consegue manter a vitória por 2 x 1 atingindo a marca de 40 pontos no campeonato e a quinta posição. Há algumas rodadas o foco era os 45 pontos e a matemática da tranquilidade. Agora já começamos a olhar para cima. Uma vitória contra o líder no Mineirão próximo domingo, poderia até nos permitir sonhar em subir ainda mais na tabela. Entretanto, tudo que vai ocorrer daqui para o fim do ano, passará pelo resultado da próxima quarta pela Copa do Brasil.

Guerreiro de Ouro: Vou entregar a honraria para Rafael Sobis por ter finalmente desencantando. Sua partida não foi brilhante, mas penso que todo incentivo ao Roqueiro Celeste pode elevar o moral do atacante para a sequência do Brasileirão. Lembrando que Sobis está suspenso e não joga a finalíssima dessa quarta. Guerreiro de lata fica com Lennon. Quase todas as jogadas de perigo contra a defesa celeste foram por seu lado. A entrada de Ezequiel deu mais segurança ao setor.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-GO 1 X 2 CRUZEIRO

Local: Estádio Olímpico, Goiânia, (GO)
Data: 24 de setembro de 2017, Domingo
Horário: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
Gols: Cruzeiro: Arrascaeta, (4′ 1T), Rafael Sóbis, (21′ 1T); Atlético GO: Luiz Fernando, (2′ 2T)
Cartões: Nonoca, Lennon (Cruzeiro); Jonathan, Luiz Fernando, Gilvan, Bruno Pacheco (Atlético-GO)

ATLÉTICO-GO: Marcos; Jonathan (André Castro), Gilvan, William Alves e Bruno Pacheco; Ronaldo, Paulinho, Igor (Jorginho), Andrigo (Niltinho) e Luiz Fernando; Alison.

Técnico: João Paulo

CRUZEIRO: Rafael; Lennon (Ezequiel), Arthur, Digão e Bryan; Nonoca e Romero (Hudson); Rafinha, Arrascaeta e Rafael Marques (Raniel); Rafael Sobis.

Técnico: Mano Menezes.

Chegou a hora! O coração já não cabe mais no peito de tanta ansiedade. Finalíssima da Copa do Brasil contra o Flamengo no Mineirão. Leve seu canto, seu grito, sua torcida. Faça uma linda festa. Vamos lutar junto com o Cruzeiro essa última batalha por tão importante conquista. Até lá, China Azul!

Guerreiro dos Gramados. Nossa torcida, nossa força!

Por: Álvaro Jr