12 out Fazendo as contas: Seguir a ambição


O Cruzeiro venceu o Coritiba, alcançou a segunda vitória consecutiva e manteve a fresta de esperança de arrancar para o acesso na reta final da Série B.

Em uma rodada em que cinco dos dez primeiros venceram, mas apenas um deles no grupo dos cinco primeiros, a matemática segue tornando possível projetar o acesso em 62 pontos. No entanto, o corte para a Raposa chegar a esta marca segue muito elevado.

Comportando basicamente apenas mais um tropeço, a tabela celeste exige uma reta final praticamente perfeita, especialmente em casa. Diante disso, superar o Botafogo nesta terça-feira é crucial para manter viva a ambição de avançar até o G-4.

Vamos as contas (segundo o site chance de gol)

Meta: Segue em 62 pontos (pontuação que hoje confere mais chances de acesso do que permanência)

Aproveitamento necessário: Caiu de 90,0% para 88,9% (superior ao do Coritiba, líder com 62,2%)

Resultados almejados: 8 vitórias e 1 derrota.

Chances de título atingindo esta meta: Inferior a 0,1%.

Chances de acesso atingindo esta meta: Superior a 50%.

Chances de rebaixamento atingindo esta meta: 0%.

Chances de título do Cruzeiro: Mantiveram-se em menos de 0,01%.

Chances de acesso do Cruzeiro: Subiram de de 0,05% para 0,4%.

Chances de permanência na Série B do Cruzeiro: Subiram de 94,9% para 99,0%.

Chances de rebaixamento do Cruzeiro: Caíram de 9,5% para 0,6%.

Projeção

Botafogo (C): 3 pontos.

Avaí (F): 0 pontos.

Remo (C): 3 pontos.

Vila Nova (C): 3 pontos.

Londrina (F): 3 pontos.

Brusque (C): 3 pontos.

Vitória (F): 3 pontos.

Sampaio Corrêa (F) – 3 pontos.

Náutico (C) – 3 pontos

Por: João Henrique Castro


Deixe seu comentário, curta e compartilhe