Fazendo as Contas: Maldito empate!

Salve nação celeste! O Cruzeiro desperdiçou dois pontos nos minutos finais contra o Avaí e viu Grêmio e Palmeiras abrirem vantagem na briga pelo segundo lugar, além de perder a oportunidade de deixar o Santos para trás.

Como consequência, ficou ainda mais complicado garantir o vice-campeonato e a premiação relativa a esta classificação. Mas ao menos o quinto lugar já está um pouco mais cristalizado.

Vencer os jogos e secar os rivais segue sendo a missão celeste. Lembrando sempre que as partidas tem 90 minutos e o jogo só acaba no apito do juiz.

Números projetados para o segundo lugar, a partir do aproveitamento atual do vice-líder (Grêmio: 58,1%)

Meta: 64 pontos (o máximo possível).

Aproveitamento necessário: Segue em 100%.

Resultados almejados: 3 vitórias.

Tabela restante do Cruzeiro

Vitória (F) – 3 pontos.

Vasco (C) – 3 pontos.

Botafogo (F) – 3 pontos.

Desempenho projetado do Grêmio:

Máximo de pontos a serem conquistados: 2 pontos.

Resultados almejados: 0 vitórias, 2 empates e 1 derrota.

Aproveitamento almejado: 22,2% (inferior ao do lanterna Atlético-GO com 31,4%)

Tabela restante do Grêmio:

Santos (F) – 0 pontos.

Atlético-GO (C) – 1 ponto.

Atlético-MG (F) – 1 ponto.

Desempenho projetado do Palmeiras:

Máximo de pontos a serem conquistados: 3 pontos.

Resultados almejados: 1 vitória e 2 derrotas.

Aproveitamento almejado: 33,3% (próximo ao atual aproveitamento do Avaí, 18º colocado com 34,3%)

Tabela restante do Grêmio:

Avaí (F) – 0 pontos.

Botafogo (C) – 3 pontos.

Atlético-PR (F) – 0 pontos.

Desempenho projetado do Santos:

Máximo de pontos a serem conquistados: 7 pontos.

Resultados almejados: 2 vitórias e 1 empate.

Aproveitamento almejado: 77,8% (superior ao atual aproveitamento do líder Corinthians com 67,6%)

Tabela restante do Grêmio:

Grêmio (C) – 3 pontos.

Flamengo (F) – 1 ponto.

Avaí (C) – 3 pontos.

Por: João Henrique Castro