23 nov Fazendo as contas: Embolando-se nas próprias pernas


O Cruzeiro desperdiçou quatro pontos nas últimas duas rodadas em confrontos contra rivais da parte baixa da classificação e viu passar a oportunidade de colocar a distância em relação ao G-4 na casa de oito pontos, faltando ainda dezesseis rodadas em disputa.

A situação só não ficou ainda mais crítica justamente porque os rivais se embolaram. As derrotas de Sampaio Corrêa e Cuiabá até fizeram com que a Raposa descontasse um ponto para o grupo dos quatro primeiros na última rodada e visse a projeção de pontos para o G-4 ao término da competição reduzir de 67 para 64 pontos. Mas de nada adianta apegar-se a matemática se em campo os resultados não forem conquistados e, a medida que a temporada se aproxima do fim, cada tropeço ganha peso ainda maior na classificação, mesmo quando os rivais também colaboram.

Com a missão de enfrentar a líder Chapecoense nesta rodada, o Cruzeiro não vê as suas chances findarem em caso de nova partida sem triunfo. Nas contas, aliás, trata-se justamente de um dos jogos em que ainda caberia vacilar. Mas com a margem apertada e dependendo que dois entre Sampaio Corrêa, Juventude e Cuiabá não vençam na rodada para o G-4 não avançar três pontos na classificação e a projeção de pontos dos quatro primeiros volte a subir, vencer em Santa Catarina está longe de ser uma missão dispensável.

Vamos as contas (segundo o site chance de gol)

Meta: Caiu de 67 para 64 pontos

Aproveitamento necessário: Caiu de 84,3% para 81,3%  (superior ao da Chapecoense, líder com 71,2%)

Resultados almejados: 12 vitórias, 3 empates e 1 derrota.

Chances de título atingindo esta meta: Inferior a 0,1%.

Chances de acesso atingindo esta meta: Superior a 70%.

Chances de rebaixamento atingindo esta meta: 0%.

Chances de título do Cruzeiro: Caíram de 0,04% para menos de 0,01%.

Chances de acesso do Cruzeiro: Caíram de 4,1% para 1,6%.

Chances de permanência na Série B do Cruzeiro: Subiram de 95,16% para 97,49%.

Chances de rebaixamento do Cruzeiro: Subiram de 0,7% para 0,9%.

Projeção

Chapecoense (F): 0 pontos.

Confiança (C): 3 pontos.

América (F): 1 ponto.

Brasil (C): 3 pontos.

CRB (F): 3 pontos.

Vitória (F): 3 pontos.

CSA (C): 3 pontos.

Avaí (F): 3 pontos.

Ponte Preta (F): 3 pontos.

Cuiabá (C): 3 pontos.

Sampaio Corrêa (F): 1 ponto.

Oeste (C): 3 pontos.

Juventude (F): 1 ponto.

Operário (C): 3 pontos.

Náutico (C): 3 pontos.

Paraná (F): 3 pontos.

Por: João Henrique Castro


Deixe seu comentário, curta e compartilhe