Cruzeiro e a Conquista da América

Evaldo, atacante do timaço da década de sessenta, declarou que até os treinos da Raposa lotavam naquela época. “Um simples rachão era motivo para a torcida lotar o centro de treinamento”, declarou ao diário Lance. E tamanha euforia não era para menos, o time vinha jogando cada vez melhor e a hegemonia no futebol mineiro

Continue Reading →

Cruzeiro na Era Academia

De todos os gloriosos anos celestes, aqueles que encantaram mais a torcida cruzeirense foram os comandados por Tostão, Dirceu e Evaldo, durante a década de sessenta, mais conhecida como Era Academia, em referência a maneira rápida e ofensiva do time jogar, sempre priorizando o toque de bola. O time base dessa época todos sabem de

Continue Reading →

De Palestra Itália a Cruzeiro

O Cruzeiro Esporte Clube surgiu de um antigo sonho da colônia italiana de Belo Horizonte de fundar uma associação esportiva que a representasse. Em dezembro de 1920, aproveitando a presença do cônsul da Itália em Belo Horizonte, vários desportistas da colônia resolveram levar a idéia da criação de um clube de futebol. No dia 2

Continue Reading →

Cruzeiro no Princípio

O Cruzeiro foi fundado em 2 de Janeiro de 1921 com o nome de Societá Sportiva Palestra Itália. Na ocasião, estavam presentes 76 participantes de uma entidade que apoiava os direitos dos italianos no Brasil, a Casa di Itália, na rua Tamóios, no centro da capital minera. Na rua Caetés havia uma loja chamada Casa

Continue Reading →

Cruzeiro em uma nova era

O melhor time da era Palestra foi o do ano de 1928. O esquadrão era formado por alguns jogadores do futebol paulista: Osti, Morganti e Carazo (titulares) mais Gutierrez e Moragantinho. Ao lado deles estavam Geraldo, Nereu, Rizzo, Nininho, Bengala, Piorra e Armandinho. Esse foi um dos times mais ofensivos e bem armados da fase

Continue Reading →

Tempos de crise

O Cruzeiro entrou em uma grave crise financeira que começou em 1946 e só foi terminar 12 anos depois. Os motivos da desvalorização foram vários, desde a constante premiação de atletas até a reforma do estádio, na qual os recursos do clube não foram levados em conta.