Análise Brasileirão 2008

Quem falou que o campeonato de ponto corrido não tem emoção?! O campeonato de 2008 foi uma ótima forma de mostrar que mesmo sem os jogos finais essa forma de disputa é de arrepiar.

Temporada 2008

Há quem diga que a temporada do Cruzeiro não tenha sido boa. A causa disso é que a torcida acostumou com grandes títulos como: Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil. Eu vejo 2008 como uma boa temporada para o time celeste. Basta lembrar a goleada de 5 a 0 no arqui-rival, Atlético e os ótimos

Continue Reading →

Campeonato Brasileiro de 2003

Se for realizada uma enquete, perguntando à torcida celeste qual ano ela foi mais feliz, por unanimidade, a resposta será o ano de 2003. E não é por menos, porque foi neste ano em que o Cruzeiro foi coroado com a Tríplice Coroa : a conquista de mais um Campeonato Mineiro; o quarto título da

Continue Reading →

Supercopa 1992

Desta vez era diferente. Em 1991 o Cruzeiro não chegou como um dos favoritos para o título da Supercopa e venceu o torneio em uma final emocionante contra o time argentino River Plate

Supercopa 1991

O título da Supercopa dos Campeões da América em 1991 foi sem dúvida um dos mais emocionantes da história do Cruzeiro, talvez porque a nação celeste, acostumada com muitas conquistas, passou a década de 80 com apenas dois títulos do Campeonato Mineiro (1984,1987) e quatro títulos da Taça Minas Gerais (1982,1983,1984,1985).

Os planos para 2009

O ano sempre começa com festa para o Cruzeiro. Hoje, ao apagar as velinhas por comemorar mais um aniversário, o clube pode fazer os pedidos para toda a temporada. Ao longo de 88 anos, a maioria deles foram atendidos.

Juan Pablo Sorín

Juan Pablo Sorín, argentino de Buenos Aires, nasceu dia 5 de maio de 1976. Sorín não se prende a sua posição defensiva, aparecendo no ataque em momentos de assistência e marcando vários gols, sendo um elemento surpresa.

Programa de Índio

Assistir partidas do Cruzeiro em 2008 longe da “Toca 3” foi um programa nada agradável. O quê aconteceu com o Time? Complexo de superioridade, complexo de inferioridade, incompetência, inexperiência, “erros” de escalação e tática por parte de AB? Poderia ficar ficado aqui procurando motivos, que não chegaria a uma explicação plausível.

Libertadores 1976

30 de julho de 1976: data marcante e inesquecível para a nação cruzeirense. Foi nesse dia em que o Cruzeiro conquistou o seu primeiro título da Taça Libertadores, no 3º jogo da final, contra o River Plate da Argentina.