Kleber: O Coelho Azul

Festa no Mineirão nesta quinta à noite. Os quase 35 mil pagantes que foram ao estádio gerando uma renda quase milionária para os cofres do Cruzeiro (nosso time não precisa de promoção) deliraram com os três gols que colocaram o Cruzeiro, já na primeira rodada, na liderança isolada do Grupo 5 da Libertadores 2009.

E hoje começa novamente…

Hoje a noite começa tudo de novo. Sendo realista, o torcedor do Cruzeiro não é de sentir muita saudades da participação na Copa Libertadores. Foram 11 participações no total. Entra ano e sai ano, estamos aí. Nós e mais alguns poucos, muito poucos clubes brasileiros. Mas estamos.

Mais organização e respeito ao torcedor

O clássico desse domingo já passou, mas temos que aprender com os erros cometidos para melhorar e oferecer, um serviço digno e confortável para quem vai ao estádio. Às vezes cobrar e proibir o torcedor de fazer certas coisas se torna mais fácil, do que procurar corrigir seus próprios erros que às vezes são escondidos.

Copa Libertadores de 1997

O ano de 1997 foi o pontapé inicial para o Brasil abrir uma seqüência de títulos da Copa Libertadores. Nesse ano em específico, 38ª edição da Copa, o campeão foi o Cruzeiro – Guerreiro dos Gramados, que conquistou o bicampeonato   (o 1º foi conquistado em 1976), sendo dirigido inicialmente por Oscar e, na metade final, pelo

Continue Reading →